Como renovar seu visto de estudos na Irlanda e desfrutar de mais oito meses de estudos e trabalho



Passou seis meses estudando inglês na Irlanda, mas não alcançou o nível que você queria, mesmo depois dos dois meses extras de férias/trabalho que o país concede? Ou gostou muito da sua nova cidade e quer ficar mais tempo? Ou quem sabe quer conhecer outra cidade, já que fez o intercâmbio em Dublin e quer morar em Galway para saber quais são as diferenças? Tudo isso é possível já que, como falamos anteriormente, a Irlanda permite até três vistos de estudos para os estudantes brasileiros, divididos em três etapas de oito meses cada, sendo seis de trabalho e dois de férias (que o estudante pode trabalhar full-time ou viajar, voltar para casa, recarregar as baterias e voltar para outro ciclo).


Aqui no blog a gente vive falando que na Irlanda é possível renovar o visto de estudos e passar até dois anos na Ilha trabalhando e aprendendo o inglês. Mas como é que todo esse processo funciona, é a pergunta que pode ser recorrente, tanto para os que já estão no meio ou final do famoso primeiro visto ou também para os mais ansiosos que antes de embarcar ou fechar o seu pacote, já querem saber todos os detalhes e possibilidade.


Hoje seus problemas acabaram, o blog da NCI te explica direitinho como funciona todo este processo e, claro, te mostra como a agência pode facilitar ainda mais a sua vida.

Primeiro, para a renovação, é preciso que o estudante tenha frequentado as aulas do primeiro visto. A imigração solicita um documento (attendance) que comprove que o aluno esteve presente em ao menos 85% das aulas. Tendo frequentado as aulas, o segundo passo é contatar a NCI, que fica a cargo de fazer a maior parte dos trâmites.


Assim que o aluno informa à NCI que quer renovar o visto, voltamos para um processo bem parecido com o da primeira vez, que é entender se o aluno quer mudar de escola ou cidade, qual o melhor período para os estudos e conversar um pouquinho sobre esta primeira experiência do cliente na ilha esmeralda. Este processo pode ser feito a qualquer momento durante as férias de dois meses do aluno, porém é recomendado que o contato com a agência seja feito no final das aulas, já que as vezes a procura pelo curso pode ser alta e as vagas, como em qualquer lugar, são limitadas.


Passando o processo de escolha e realocação (se necessário), a agência entra em contato com a escola e providência os principais documentos, exatamente como da primeira vez. O aluno só vai precisar retirar todos eles, porque será necessário uma segunda visita ao escritório da imigração irlandesa.


Diferente da primeira vez, o estudante terá apenas que comprovar mil euros para imigração, este valor deve estar na conta aberta lá no comecinho da sua jornada irlandesa. Como é preciso levar um extrato da conta emitido pelo banco é importante conferir com sua agência em quanto tempo esse documento fica pronto; em alguns casos podem ser impressos na hora e em outros enviados por e-mail e levar alguns dias úteis.



Os demais documentos que o estudante vai precisar são:

  • Carta de matrícula

  • Seguro saúde

  • Attendance

  • Extrato bancário de mínimo 1000€ - Endereço atualizado ( máximo 30 dias solicitado)

  • Carta de acomodação do landlord

  • Passaporte

  • IRP (antigo GNIB)

  • Mais cartão do banco com 300€ disponível para pagar o visto.


Todos estes papéis são importantes e devem estar impressos no dia que o estudante for até a imigração. O seguro saúde é enviado para o aluno pela agência, os demais são de responsabilidade da escola fornecer. No final, o intercambista precisa apenas ir atrás do extrato bancário e imprimir tudo. Viu? Eu disse que a NCI ia facilitar sua vida!


Pronto, agora só comparecer ao escritório de imigração da cidade escolhida, com o seu melhor sorriso e mostrar como seu inglês melhorou em oitos meses. A última coisa que será solicitado são 300 euros para a emissão de um novo IRP, este valor deve ser pago no débito, ou solicitar uma ordem de pagamento que deve ser paga direto em uma agência bancária, uma vez que a imigração não aceita dinheiro em espécie, por isso, não esqueça seu cartão do banco.


Lembrando que todo este procedimento deve ser feito dentro do prazo do visto anterior para não haver problemas. Porém, em alguns casos, quando o estudante volta para o Brasil ou opta por viajar mais de dois meses de férias, ao retornar para Irlanda em até seis meses pode ainda ser considerado renovação. No entanto, tudo depende da imigração, pois se não for considerado como renovação o intercambista terá que comprovar novamente os três mil euros.


Agora ficou mais fácil de entender como funcionam os vistos de renovação irlandeses? Como o período do intercâmbio passa mais rápido do que a gente consegue notar (assim como todas as boas experiências) é sempre bom estar bem informado e preparado.


Gostou das informações ou tem alguma dúvida? É só entrar em contato com NCI Intercâmbio, ainda hoje, que faremos de tudo para te ajudar!! Não fique de fora, venha viver seu sonho!

Por Joyce Silva

#nciintercambio #intercâmbio #estudarfora #morarfora #irlanda #renovação

Encontrou algum erro? Por favor contate: info@nciintercambio.com

© 2019 por NCI Intercâmbio.  Todos os direitos reservados a NCI Intercâmbio.  CRO 611045