Quanto custa viver na Irlanda?

Atualizado: 25 de jan.

Um bom planejamento é essencial para ter uma estadia confortável e sem perrengues.

 

Antes de começar sua experiência de intercâmbio na Irlanda, é necessário conhecer todos os gastos obrigatórios e opcionais que você terá na Ilha Esmeralda. Além da preocupação com a passagem e o visto, deve ser considerado gastos com aluguel, contas fixas, mercado e transporte. Mas afinal, quanto custa viver na Irlanda? Deixa que a NCI te responde!




Aluguel


O aluguel será o seu maior gasto na Irlanda. Em Dublin, capital e cidade mais populosa do país, o aluguel pode custar em média 1.684 €. Esse valor pode ser reduzido caso o intercambista opte por cidades e regiões mais distantes dos grandes centros urbanos irlandeses, como Cork e Limerick. O aluguel das cidades citadas costuma ter uma diferença considerável em comparação a Dublin, tendo um aluguel médio de 1.574 € e 1.373 €, respectivamente.


Uma excelente solução, que muitos brasileiros optam ao chegar na Irlanda, é dividir uma casa ou apartamento com outros intercambistas que estão em busca do mesmo objetivo. Esse comportamento ajuda bastante a reduzir os custos no país e proporciona uma estadia mais confortável financeiramente, sacrificando toda a privacidade que morar sozinho lhe propõe.


Com isso os valores citados acima acabam sendo divididos pela quantidade de quartos da casa no caso do intercambista.


Contas fixas


As contas mais comuns na Irlanda são de luz, aquecimento, internet e taxa de lixo. A conta de internet varia pela velocidade contratada e o valor gira em torno de 25€ a 45€. A taxa de lixo é cobrada somente das casas e é feita por peso. Já em apartamentos, alguns possuem uma estação de coleta do prédio e outros você deve comprar uma sacola específica e colocar na calçada no dia da coleta.


Ao adicionar as contas de luz, aquecimento (só no inverno), taxa e lixo, os valores podem chegar em torno de 150€ todos os meses, fora do inverno, estes valores caem, pois não se usa aquecimento.


Da mesma forma que pode ser dividido o aluguel, também pode ser dividido as contas fixas da casa. Numa casa com 4 pessoas, o custo para manter tudo funcionando fica, em média, 50€, sendo um pouco maior no inverno. Super em conta!


Alimentação


Na Irlanda, é bom que você tenha habilidades na cozinha. Almoçar fora todos os dias pode ser bem caro para os intercambistas.


Existem grandes variedades de produtos e opções na Irlanda e, aliado com o alto poder de compra dos irlandeses, permite realizar as compras do mês com excelentes produtos gastando pouco.


O gasto de um estrangeiro nos mercados gira em torno de 100€ a 130€ por mês. Bem interessante, não?


Agora, se você gosta de sair para comer fora frequentemente, se prepare para gastar. A média da refeição para uma pessoa em um restaurante barato custa cerca de 15€. Almoçar ou jantar fora regularmente é interessante para conhecer mais a cultura local e comidas novas, mas no cotidiano, cozinhar em casa será mais saudável para o seu bolso.

Por outro lado, os fast-foods possuem um valor em conta. Com 8€, você compra um combo com hambúrguer, fritas e refrigerante no McDonald.


As bebidas alcoólicas são acessíveis. As cervejas possuem um excelente preço e grandes variações desde cervejas locais até importadas. As locais, nos mercados, custam, em média, 2,50€. Mas, se você quiser ir a um pub para degustar uma “pint”, ela sairá, em média, 5€.


Outras bebidas destiladas como vinhos também possuem uma excelente variedade. Os preços giram em torno de 10€ a garrafa.


Transporte


Se tem algo que você não precisará se preocupar na Irlanda é sobre a mobilidade urbana. Os transportes públicos são excelentes, mas as tarifas podem ser acima da média em comparação com outros países da União Europeia.


A Ilha Esmeralda atende todos os públicos para quem deseja e precisa se locomover. Sendo elas:


  • Andar a pé: excelente para cidades pequenas. A famosa expressão “bater perna” é o meio mais barato de se locomover;

  • Bicicleta: ótima atividade física e locomoção também. Como a Irlanda é um país plano, não precisará se preocupar com grandes ladeiras. Você pode comprar ou alugar uma bem facilmente;

  • Ônibus: existem rotas para todos os lugares da Irlanda. O gasto mensal varia entre 70€ a 150€ caso você opte pelo uso diário do meio de transporte;

  • Luas ( VLT): mais presente na cidade de Dublin. A tarifa custa entre 4€ e 6€ ida e volta;

  • Trem: excelente meio de transporte para visitar outras cidades da ilha.

  • Saúde: o sistema público de saúde é pago. Logo, os estrangeiros precisam adquirir um seguro médico.


Para viajar para Irlanda você precisa de um seguro viagem que tenha uma cobertura mínima de 25 mil euros, para países do Schengen o mínimo exigido são 30 mil euros, já como estudante você precisa do Seguro Governamental.


Esse seguro é obrigatório para entrar no país. Então, é fundamental que se veja com antecedência esse detalhe. Caso tenha alguma dúvida sobre essa etapa, fale com um de nossos consultores clicando aqui.


Vida social


Não é só de estudo e trabalho que se vive um estudante de intercâmbio. Na Irlanda existem inúmeros lugares para conhecer, como festivais e eventos de música e arte, pubs, cinemas, museus e parques por todo o país.


Para os cinéfilos, o preço do ingresso nos cinemas irlandeses custa, em média, 10€. Porém, assim como aqui no Brasil, existem dias da semana que são mais baratos.

Os parques são passeios gratuitos, mas sempre tem alguma lembrancinha para trazer na volta. Os valores variam, mas esteja disponível para comprar itens locais e guardar como recordação.


Quem gosta de uma boa vida boêmia não se decepciona nem um pouco na Irlanda. Existe um serviço chamado “pub crawl” que é algo parecido como um tour por diversos pubs numa única noite. Os valores variam 40€ e 60€ por adulto. Esse serviço te permite conhecer diversas pessoas e lugares diferentes.


Os festivais e eventos irlandeses também são bem marcantes. O primeiro e maior evento do país é o St. Patrick’s Day. As ruas ficam tomadas por verde e carregam o tradicional trevo de quatro folhas tradicional do país.


O Rockfall Festival é um grande evento musical da Irlanda. Os artistas não cobram para participar e todo dinheiro arrecadado é doado para instituições que cuidam de crianças especiais.


O Dublin Fringe Festival é um evento diversificado. Lá são reunidos arte, dança, teatro e cinema com inúmeros artistas locais e estrangeiros. O evento ocorre em Dublin e atrai cerca de 30 mil espectadores anualmente. Alguns eventos são gratuitos, outros são pagos, mas sempre tenha dinheiro reservado para aproveitar tudo que a Ilha Esmeralda tem a oferecer.


Como vimos ao longo do artigo, o custo de vida da Irlanda é alto em comparação aos padrões do Brasil, porém é mediano em comparação aos outros países da União Europeia. Para ter uma estadia confortável, é necessário um excelente planejamento financeiro que permita a melhor experiência possível.


Para te ajudar nessa etapa, aprenda a como economizar dinheiro para o seu intercâmbio e não passe perrengue durante a melhor experiência da sua vida.